18 outubro 2012

Resenha: Belo Desastre da autora Jamie McGuire


Sinopse
Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade. Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa – e deseja – evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento de Travis pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura.




Resenha

Até agora uma das coisas mais difíceis que encontrei de fazer foi está resenha, pois quando se gosta muito de um livro como eu gosto de Belo Desastre, a gente quer fazer algo bem feito e que consiga ao menos fazer justiça ao livro.

Belo desastre, sem sombra de dúvida é o meu livro favorito (foi amor a primeira resenha). E com toda a certeza do mundo eu vou rele-lo muitas e muitas vezes. E sabe porque? Por que realmente ele vale cada minuto que passamos lendo-o. 

Com um enredo que envolve o leitor deixando-o cada vez mais avido por informações das quais não fomos capazes de deduzir nas páginas anteriores ele prende nossa atenção até a última pagina fazendo-nos definhar até o final quando experimentamos um sentimento de perda pelo seu fim.


Um dos pontos positivos que encontrei no livro é o fato dele ser narrado em primeira pessoa, o que pra mim é perfeito pois eu entro na história e sinto na pele o que a personagem sente.


Nossos protagonistas da vez são Abby e Travis (que é lindo de morrer).


Quando finalmente a Abby pensa que se livrou de todos os seus problemas ela conhece nada mais nada menos que Travix Maddox (OMG): Deus grego extremamente lindo que já transou com quase todas as garotas da universidade e simplesmente não consegue manter um relacionamento sério com nenhuma mulher (nem mesmo pra ser amigo, ele sempre estraga tudo com sexo), se vê extremamente atraído por ela, ela sabe que não pode ceder pois ele cheira a encrenca (tudo o que ela quer se livrar).

No entanto há algo no Travis que ela não consegue evitar...

Embora seja lindo o relacionamento deles não é tão perfeito assim... O Travix, além de possessivo e ciumento é muito agressivo e quando se sente ameaçado sai distribuindo porradas "a torto e a direita". Fora isso ele é um fofo e é muito lindo principalmente quando vemos que ele está mudando por ela, demonstrando assim que realmente a ama...

Bem, eu realmente não vou contar o livro pra não estragar a leitura de vocês mas, quando forem ler estejam certos de uma coisa: Embora pareçam felizes para sempre vocês verão que nem sempre foi assim, o livro tem muita, mas muita merda mesmo!


Uma Coisa fofa sobre o livro: (cuidado spoiler)
O Travis chama a Abby de Beija Flor. *-* que lindo! Além disso, tatuou o nome Beija Flor no pulso! Ah, e também fez uma tatu em Hebraico que diz: Pertenço a minha amada e minha amada pertence a mim.Tem coisa mais linda?
E no final do livro a Abby também não fica de fora não, ela tatua  Sra. Maddox. Já dá pra imaginar né?




Bom, eu me apaixonei pelo Travis, e vocês vão ficar de fora? 



Beijos :*
Dani Henrique